Main Menu Bar


30 de mai de 2018

A temida Dona Cida

Textos de Auto-Ajuda

FOTO POR: Thais Pereira 

Durante esses dias, tive o prazer - ou desprazer, quem sabe - de conhecer a dona Aparecida,
carinhosamente apelidada como Cida, ou Cidinha. Acredito que todos nós, ou a maioria, acabou por conhecer ou esbarrar com uma pessoa bem parecida com a dona Cida, e, infelizmente, não estou falando de pessoas fisicamente parecidas com ela. Dona Cida, uma senhora de aparentemente 65 anos, com a pele bem clara e seus cabelos marrons que destacavam a brancura de seu rosto. Dentes de cigarro, e muita energia, - para dar e vender, acredite! - é dona de uma pequena lojinha de papelaria, e passava a maior parte do tempo fazendo caminhadas, decorando lugares, danças, academia, e procurando brigas. Resumidamente, a Dona Cida era uma pessoa amarga, era meio feliz, ou pelo menos fingia bem, porém, ocupava a falta do que fazer enchendo a paciência de outras pessoas, com amargura e um pingo de maldade. Pode ser que isso seja resultado de uma vida difícil demais - Ou então, fácil demais - ninguém nunca saberá por que ela carrega consigo sentimentos tão ruins, nem o motivo dela nutrir estes sentimentos dentro dela e espalhar por onde passa.
As vezes, as pessoas costumam dizer que nós somos responsáveis pelo sentimentos que carregamos dentro de nós, e em partes eu acredito nisso, até porque, as flores só nascem se regarmos, e isso deve funcionar da mesma forma para sentimentos que regamos e deixamos florescer, mas depois de conhecer a dona Cida, eu passei a entender que as vezes esses sentimentos se proliferam dentro de nós sem que percebemos, sem que a gente se dê conta, e quando vemos, já é tarde demais.

Eu encontrei a dona Cida inúmeras vezes no dia, desde as cinco e meia da manhã, até as seis da tarde, seja pessoal ou, virtualmente, todas tinham características parecidas, seja na forma grosseira de falar, ou do jeito que distorce coisas que foram ditas para de alguma forma trazer intriga, algumas leva e trás, outras que adoram criticar. A Cidinha existe em todo lugar, pode ser uma "amizade", ou uma pessoa que trabalha com você. São pessoas que sem querer - Ou por pura maldade - tentam sugar aquilo que há de melhor em ti, as vezes ela vêm em forma de um comentário maldoso, ou pessoas que te colocam pra baixo, que não acreditam no teu sonho e te zoam, mas, independentemente da forma com que a Dona Cida aparece, ela existe, e com certeza já passou por ti também. 


Eu deveria considerar um desprazer conhecer a dona Cidinha, mas acredite, eu fico muito feliz em tê-la conhecido. Ela é responsável por todas as vezes que eu pensei em desistir ao ver um comentário que me colocava para baixo, mas, por incrível que pareça, foi ela também que me fez ficar forte para as outras Cidas que virão, e me fez continuar firme no meu sonho doa a quem doer. Foram muitas das vezes que me peguei chorando no serviço, por ter cruzado com uma Cida amargurada que atormentou o meu dia, tantas outras que estive com raiva por ser boa mesmo com ela dizendo coisas ruins para mim e fechando portas na minha cara. E então percebi, que as Cidas que cruzamos diariamente, não pode roubar o que temos de melhor dentro de nós: Nossa Luz! Nós somos luz, e elas acham que com um soprinho desses, conseguem apagar.

Estou aqui para dizer para mim, e para vocês, que vocês conhecem e ainda conhecerão muitas Cidas durante toda a vida, mas não deixem que elas apaguem a luz que existe dentro de vocês com o pouco que elas são. Vocês, nós, somos gigantescas, e se está desacreditada, desapontada e pensando em desistir, pare! Não deixem o sonho de vocês por tão pouco, vamos nos unir e caso precise de apoio, ou conversar, me chama! Vamos continuar juntas e atropelar todas as Cidas que ousarem cruzar nosso caminho.

Especialmente a todas as Cidinhas que encontrei, queria dizer que o sopro de vocês não conseguiram apagar a minha luz, ela vem de Deus, e essa ninguém apaga.

Quer acompanhar as novidades do blog?
Facebook: Giovanna Otuka
Fique por dentro de tudo através do meu instagram:
Siga o blog e não perca nenhuma publicação.
Se quiser conversar comigo, me chame pelo instagram, ou me avise pelos comentários do blog, vamos fazer isso dar certo, amigas! ❤❤

12 comentários:

  1. Amei demais o post!
    E sim, nós somos luz. Luz em meio à escuridão. <3
    Meu blog de textos: Guardarei Amor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que gostou!! Somos luzzz mana <3
      Beijos!!

      Excluir
  2. Que lindo texto:) adorei Giovanna. Não podemos deixar ninguém destruir nossos sonhos.

    Beijokas da Camila e Carol

    já estamos de volta e já tem novidades
    Se seguir o blog é só avisar que retribuo viu ;)

    Vamos Papear 

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente <3 Vamos que vamos! Obrigada
      Beijosss

      Excluir
  3. Que texto lindo. A Dona Cida me fez lembrar uma Senhorinha que eu conheci quando tinha cerca de 12 ou 13 anos, ela era bem brava, amarga, sabe. Porém eu gostava dela e queria que ela gostasse de mim. No entanto ela tinha alzheimer (arias, acho que vou contar essa historia no meu blog um dia) e sempre que ela me via brigava comigo, me fazia chorar e eu sempre tinha que conquistar o carinho dela de novo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. onwww, conta essa história e me manda o link, vou adorar ler!! Obrigada <3
      Beijos

      Excluir
  4. Isso mesmo flor essa parte aqui que você citou "As vezes, as pessoas costumam dizer que nós somos responsáveis pelo sentimentos que carregamos dentro de nós, e em partes eu acredito nisso, até porque, as flores só nascem se regarmos". é assim mesmo em nossas vidas, por isso tento sempre está com pensamentos felizes.
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito bom estar rodeada de sentimentos bons, atraímos isso para nós mesmos! <3
      Beijoss

      Excluir
  5. Gi, você está super certa!!! Somos luz e não podemos deixar que ninguém apague a nossa chama...
    Por muitas vezes nós ficamos com as chamas um pouquinho mais apagadas, mas logo devemos tirar essas "cidas" do caminho e deixar nossa luz brilhar forte novamente.
    Pense sempre que você é um espírito iluminado e do bem, que com isso você vai atrair pessoas de paz e de bom coração!
    Adorei a reflexão! Beijos!
    Aproveitei pra seguir o seu cantinho!
    www.myysadsongs.blogspot.com.br
    www.bibliotecalecture.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro que não podemos deixar ninguém nos colocar limites, e dizer que não podemos, quando podemos sim! Pensamentos positivos, atraem coisas positivas para nós! <3
      Beijos, e obrigada <3

      Excluir
  6. Ah gi, tenho várias dona Cida na minha vida ... Mais nenhuma delas até hoje conseguiu e tenho certeza que jamais vai apagar a minha luz. Beijinhos da thami♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thami, Thami <3 Que felicidade ver você por aqui! Você é forte demais mulher, e eu sei só um pouco de tantas cidas que eu tenho certeza que entraram no seu caminho, mas você é luz, e nada e nem ninguém vai tirar isso de ti! Amo você.
      Beijossss

      Excluir